O amor é belo, até que ponto?

Pensando um pouco no passado, em épocas remotas, tempo que havia o respeito entre os seres humanos.  Onde só existia uma única Lei: á lei do  amor. É verdade! Em dias comemorativos (religiosos), já que cada  lar tinha um altar sagrado, os familiares se reuniam, depois da oração faziam banquete e convidavam os vizinhos, com isso dividiam o pão com os  companheiros, os convidados sem exceção, para participarem da grande confraternização que se transformara aquele evento. elas (pessoas) tinha consideração uma pelas outras, pelo que eles eram (representavam). naquele tempo, épocas impensada para o momento atual, onde o AMOR era primordial para ter uma convivência harmoniosa entre os seres viventes. Hoje, os valores se inverteram e o amor gera desconforto e desconfiança.


Pois bem, já no mundo atual, não é bem assim. Vamos narrar um fato que aconteceu com uma  amiga. Vamos chamar ela de Luana e ele de Jerônimo, nomes fictício. Veja bem, Luana namorava esse rapaz citado acima, a mesma sempre comentava entre á galera que amava o tal, Jerônimo, que tinha encontrado definitivamente o homem da vida dela, mais será? Só que, esse indivíduo era muito ciumento (doente), o ciúme desse rapaz era muito doentio que incomodava bastante, para se ter uma idéia a mesma era proibida de usar short curto, sair á rua,  conversar com as amigas, nem pensar. Luana, incomodada com esse exagero do rapaz, também pudera, deu um ponto final no namoro, mas, Jerônimo não se conformou, e de tanto insistir para reiniciar a volta ao namoro, tendo sempre o não como resposta. o rapaz se revoltou-se e passou a usar uma outra tática, o medo, assim, ameaçando, vou te matar você e quem estiver com você etc.

Para finalizar, Luana, já solteira foi á uma festa tradicional em nossa cidade, por lá conheceu um  rapaz, e aconteceu o que Jerônimo temia, “a fila andou” quando o valentão viu aquela arrumação (pegação), não deu outra o pau quebrou no salão. no final foram todos para á delegacia, resolver tal questão com o delegado. Será, que vale a pena bater, xingar, morrer por alguém? Entendemos, baseado nesse e outros fatos parecidos, que a falta de educação de algumas (pessoas) estão disvirtuando o que realmente  representa de fato, o amor. Atualmente as pessoas xingam, matam, as vezes se suicidam dizendo que é por amor, ou não é verdade? Fatos  assim compreendemos que seja uma vergonha para o ser humano.

Só estendendo um pouco o texto com algumas frases sobre o amor.  Assim, “o momento mais forte do amor, é quando sabemos que ele precisa morrer, mas não temos força para matá-lo”.
 “Não existe amor a primeira vista, o que existe é a pessoa certa. No momento certo, você por acaso estava lá”
“Nunca feche os olhos para o mundo, pois há pessoas no mundo que esperam o seu olhar”.
“O amor tem tantos significados, que a cada dia percebemos que ele significa tudo”.
Mais uma: “Dizem que o amor é belo, mas belo ele não é, belas são as pessoas que tem em mãos e sabem cultivá-lo.  Se o mundo fosse governado como antes (passado) com “amor” tranquilamente, não haveria violência, guerra, fome, miséria etc. o que de certo haveria era paz tranqüilidade, confiança, respeito e muita harmonia entre os povos de todas as nações. Iram de Oliveira.  
 
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...