Os fura filas


       
O fato é que Brasileiro adora levar vantagem em tudo ou quase tudo, em qualquer lugar que se vá tem um engraçadinho querendo tomar sua frente, ainda vez por outra quando reclamado responde como se tivesse com a razão, pois é sua defesa! o infrator é sempre assim quer ganhar no grito intimidar se acha o tal.
Os fura filas, na fila de Bancos, no médico pra filas de consultas e exames pelo SUS, nos sinais de Trânsito etc. Os “espertinhos” se acham no direito de passar a frente e chegar primeiro se achando um espertalhão de quinta categoria, no nosso entendimento, querendo ser mais importantes do que todos que lá estão, por ventura tentando resolver as questões diárias licitadas para os mortais e obedientes humanos do Brasil.
Esses hábitos, são costumes já arraigados e doentio adquirido pela população de forma errada pelos povos antigos que por essas terras vieram e habitaram, e também sem sombra de dúvida fruto de um povo sem educação escolar de boa qualidade mais que precisam ser mudadas,  é necessário que nosso povo passe a respeitar o direito do próximo em vez de tentar corrompê-lo, como também entender que os outros estão nesse ínterim porque precisam resolver seus problemas como o seu e tal. Para uma parcela significativa de Brasileiros ative a consciência nesse sentido (boa conduta) é necessário uma só palavra EDUCAÇÃO, educar seria o termo mais eficaz para tanto, mais poderíamos achar que educação poderia ser inviável porque não daria uma resposta de imediato, de fato educação é gradativa demorada que pode demorar anos para que as coisas se confirmem, no entanto uma medida seria adotar Câmeras por todos os lugares movimentados da cidade.  
 
Vigiar os espertalhões, filmar e comprovado o delito ou coisa parecida punir nos rigores da Lei se é que existem leis para isso. Continuando com nosso raciocínio, multar os desobedientes de forma que sinta no bolso o peso da irresponsabilidade cometida e a humilhante situação que fez a outra pessoa passar, é bem verdade que as punições não seria tão severas com prisões em cadeias imundas como as que temos no país, isso não, a justiça deve ter a consciência e punir com penas alternativas como: cestas básica, trabalhos voluntários para famílias carentes, trabalhos com doentes em Hospitais, limpar e lavar escolas do Bairro durante um certo período enfim, é isso.
Câmeras, para que aconteça de verdade tem que ter a prova real, porque o Brasileiro é “esperto” folgado, não assume o que faz, nega tudo na hora H, mente, não assume o delito de forma alguma o sujeito erra mais na hora de apagar tem medo do que possa ocorrer, são as consequências, pôs não deveria ter pensado antes? Sendo que se for o caso fica por isso mesmo e quem passa por mentiroso é a vítima nesse caso, e ainda o camarada errado sai cheio de graça pelo menos é que sempre vimos com os acontecimentos de outrora. Os nossos governantes precisam investir em segurança nesse sentido, câmeras de vigilância, nos principais pontos da cidade, por exemplo, os lugares mais movimentados, nas praças pública, nos centros comerciais, Lojas, Shoppings, nas ruas e ruelas, no centro das cidades, nos semáforos, nas escolas que é aonde começa tudo, na sala de aula principalmente duvido que alunos (as) sabendo que podem ser punidos por seus atos insanos irão jogar papel amassado nos coleguinhas, chinela, calçados no quadro de escrever, jogar canetas no chão, beliscar alguém, responder com mal  criação aos os Professores etc. Câmeras nos corredores dos colégios, na quadra de esporte, entrada e saída das escolas etc.
Tudo isso é necessário para preservar o bem público e o bem-estar da população que não tem mais sossego, as pessoas não se respeitam mais, podemos até chamar essa gente de espertalhões, sabichões, delinquentes etc. Nesse país que foi pintado de verde e amarelo na imaginação da população mal educada do nosso Brasil.

Por: Iram de Oliveira 
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...