Brasil, o país onde futebol é mais importante do que educação

Em 2014 o ano letivo no Brasil, tanto nas escolas públicas quanto privadas, foi alterado para se adequar à Copa do Mundo. É claro que todas as instituições de ensino garantem que os alunos não serão prejudicados. Ainda que não sejam, qual é a mensagem dada a centenas de milhares de crianças e adolescentes? Futebol é mais importante que educação! Pelo menos é a prioridade do ano.
 Por: Jorgemar Ferreira
Em uma sociedade carente de educação surgem vários mestres, sem sabedoria. Dentre várias “celebridades”, jogadores de futebol, comentam qualquer assunto sem o mínimo conhecimento de causa. E então os discípulos propagam a “sabedoria dos mestres” e a corrente da ignorância cresce exponencialmente.

Esporte é importante para a formação física e mental de crianças e adolescentes. É capaz de ensinar de forma lúdica várias disciplinas do currículo escolar. E a grande maioria dos brasileiros quer assistir aos jogos, e quem sabe ver o Brasil se tornar hexacampeão. Isso faz parte da nossa cultura. Mas uma mensagem clara do que é a prioridade nesse caso causa um estrago considerável no futuro. Afinal, precisamos muito mais de técnicos, administradores, médicos do que de jogadores de futebol. Depois não adianta reclamar do crescente número de profissionais estrangeiros atuando no Brasil.

Enquanto a bola rola a educação enrola!

Artigo publicado no site Administradores.com

Por: Jorgemar Ferreira é administrador e “adestrador de formigas” que acredita que fora da educação não há salvação para o Brasil.
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...