Eu sou do jeito que sou, que me vejo!

Sou do tamanho daquilo que sinto,vejo, falo, faço e do tamanho que as pessoas me enxergam. Não sei quem eu sou, nem o porquê faço certas coisas, nem como lidar comigo em certos momentos. Já não me preocupa o que pensam sobre mim, nem se você quer o mesmo que eu. Sem o seu amor tudo fica sem graça alguma e a vida perde o sentido. Sinto a falta daqueles que fazem a vida ter sentido de viver.
      Por: José Ricardo Castro
Sou um homem maduro, adolescente, menino, e sempre uma criança feliz. Em alguns momentos ocupo-me com a vida profissional, buscando ser o melhor nesta ocupação de tempo que a vida me proporciona e que me realiza, produzindo recursos que necessito para as demais coisas que desejo na vida e que suprem as minhas necessidades. Sou:
- Um eterno apaixonado por minha esposa e namorada de todo o tempo que vivenciamos juntinhos.
- Uma eterna criança, deixo-me levar pelas emoções da vida e fatos e brincar com minha filha e com as crianças que surgem a minha frente.
- Um romântico e sentimental e neles há a pureza de minha essência.
- Um profissional competente.
- Um adolescente em busca constante do saber.
- Um menino em busca de atividade, uma criança que procura brincar com o tempo que dispõe.
- Um apaixonado pela vida e por pessoas.
- Um amigo que sabe relevar e perdoar, mesmo que houve desentendimentos, agressões, decepções, falsidades, abusos.
- Um amigo que deseja que em seu caminho seja feliz e próspero.
- Um ser um harmonia com a vida, o ambiente e em plena paz interior.
- Um cidadão com uma identidade única.
Vivo no sentido de alegrar-me pela oportunidade de mais um dia. Vivo o tempo que tenho em companhia harmoniosa de todos os que cruzam o meu caminho e por algum momento comigo caminham. Já não faz diferença as coisas que conquistei, elas não tem o valor que você tem em minha vida. Tenho o básico para seguir em frente. O que faz diferença em minha vida é quem está junto e caminhando na aventura que surge tempo a tempo a minha frente; apresenta fatos surpreendentes, alegrias, tristezas, momentos de seriedades e de solidão e silencio. Não há como esquecer coisas do passado, mas apenas me servem como referenciais e experiências de vida no tempo.
As minhas feridas estão cicatrizadas e com a cura se foram as mágoas, rancores, amarguras, angustias, ansiedades, ódio, invejas, ira, raiva, frustração, não há máculas em mim. Estendo a mão e a todos ofereço a minha amizade, o meu amor, a minha compaixão, o meu perdão; livrei-me das culpas e não procuro culpado dos fatos da vida, e nem das coisas que me frustram ou não tenham soluções neste momento.
Encontrei no tempo a contemplação, da paz, do amor, e respostas a tudo o que questiono sobre a vida. O quanto é importante conviver, respeitar opiniões, modos de vida, situações, evoluções, atitudes. Vivo em plena paz interior e vigio para que não seja invadida. Meus desejos já não são os mesmos que ontem eu sonhava.
Minha vida segue independente de fatos confortáveis e desconfortáveis que a vida apresenta. Aceito o que vier a frente e sou ciente que o tempo tira apenas as forças físicas, a vitalidade, as condições materiais, e as pessoas que partem. Mudanças ocorreram constantemente no sentido de evoluir a humanidade, vivemos em sistemas nas sociedades com hábitos, costumes, crenças e regras determinadas por leis e sistemas capitalistas, socialistas, comunistas, monárquicos, anárquicos ou qualquer outro que venham a inventar e ser seguido por algum povo. Prefiro pensar no ser humano como o mais importante antes de que qualquer sistema e que haja na consciência e no sentido da vida de cada um a liberdade, igualdade, solidariedade, fraternidade, que resida em cada coração que bate.
Que cada povo encontre soluções que atendam as necessidades de seus povos e que encontrem meios de combater as agressões sofridas pelos que não sabem se defender daqueles que exercem o poder, seja político, seja financeiro, seja físico.
Somos povos e somos seres únicos cada qual em um local neste planeta habitável, apenas nos adaptamos ao local, ao tempo, aos sistemas e a vida. Estamos de passagem e não podemos jamais dizer que somos completos, a vida nos dá a cada momento uma nova lição.
Sou um andarilho sempre em busca de contribuir com a vida humana.

*José Ricardo Castro é empresário, consultor e palestrante, e mora no município de Mogi das Cruzes, São Paulo. http://www.transitcs.com.br/
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...