Caos da saúde: 60% dos pacientes da UTI do HRTM em Mossoró vão a óbito, aponta OAB

Resultado de imagem para hospital tarcisio maia em mossoró lotado fotosO relatório da OAB confirma o que a população já sente no dia a dia quando precisa de atendimento naquela unidade hospitalar.

Para ter ideia do problema; 60% dos pacientes da UTI vão a óbito por causa entre outras coisas, equipamentos envelhecidos, de medicamentos, pessoal mal treinado como também a escassez de profissionais  etc.  

Conforme o conselho de medicina  hospitalar com bom atendimento a média em geral é de 5% e o pior atendimento chega a 33% comparando o Tarcísio Maia com 60%  "a situação é gravíssima" diz Dr Elsias. .

Os investigadores também encontraram problemas graves na cozinha, nos corredores, na enfermaria, na sala de repouso...

Segundo o médico e Advogado Elsias Nascentes C. Neto em entrevista no programa na TCM ontem (13) os funcionários trabalham no limite do estres, em alguns casos choram até sobrecarregados pelas péssimas condições de trabalho.


Por: Iram de Oliveira, Geógrafo
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...