Pular para o conteúdo principal

Acidente aéreo

Resultado de imagem para aviao fotosInsegurança aérea

por: Viriato Moura
O avião é o meio de transporte mais seguro, é o que se pode comprovar estatisticamente. Mas diferente dos acidentes que ocorrem com os outros, quando uma aeronave cai o número de mortos, por óbvio, é sempre proporcionalmente maior.
Na madrugada desta terça-feira 29, um avião de companhia boliviana,com 77 passageiros à bordo, caiu próximo à cidade de Medellín, na Colômbia, matando quase todos. O acidente ganhou grande destaque no mundo esportivo, em particular do futebol, porque transportava a delegação da Associação Chapecoense de Futebol, time sediado na cidade de Chapecó, em Santa Catarina, que iria disputar a final da Copa Sul-Americana com a equipe local, o Atlético Nacional de Medellín.
Acidentes com aeronaves sempre causam grande repercussão porque dão razão ao temor que, de certo modo, todos temos de viajar num veículo mais pesado que o ar.
O fato me motivou a reiterar uma denúncia que já fiz pelo menos duas vezes através de sites e da televisão. Encaminhei correspondência nesse sentido também a órgãos oficiais do setor aeroviário. A primeira vez que agi assim foi quando Nelson Jobim, então recém empossado no Ministério da Defesa do governo Lula, em 2007, reclamou dos espaços exíguos entre as fileiras de assentos de alguns aviões brasileiros. Achei que por ser uma autoridade relevante, denunciar o descaso naquela ocasião contaria com seu endosso, o que levaria a sua solução mais rápida. Ledo engano!
De fato, há alguns anos, com objetivo de transportar mais passageiros, e, por consequência, faturar mais em cada voo, empresas de aviação privadas aumentaram algumas fileiras de assentos em seus aviões sem aumentar as dimensões dos aparelhos. Em decorrência disso, entre uma fileira e outra, com exceção das que eles chamaram inicialmente de assento conforto, e, mais recentemente, de espaço conforto (assentos cobrados à parte), ao sentar, o passageiro fica comprimido, com os membros inferiores quase que imobilizados, e os joelhos praticamente em contato com a fileira da frente. Isso impossibilita a entrada ou saída dos passageiros que fiquem mais próximos às janelas, obrigando os que estão mais próximos ao corredor a levantar-se para que esses circulem nesse corredor quase que virtual. Mais ainda: quando se tenta ler uma revista ou livro (jornal, somente se dobrá-lo mais de uma vez), por exemplo, temos que colocá-los numa posição inadequada para conseguir a “proeza”. Fazer as “refeições” (que por sinal são ridículas porque mesmo sendo um lanche não precisaria ser “aquilo” que normalmente servem) é um exercício de contorcionismo. Agora, senhoras e senhores passageiros, se quem estiver sentado à sua frente resolver reclinar o encosto do seu assento, nós, que viajamos nessas latas de sardinha, sabemos muito bem o que acontece: se não tomarmos cuidado teremos os joelhos pressionados, com sérios riscos de lesão.
Até aqui relatei apenas as questões referentes aos incômodos devido a disposição dos assentos. Vamos ao que é mais grave: o fator segurança. Destaque-se, logo, que a chamada posição de segurança para pousos de emergência, em que o tronco dever ser fletido em direção ao encosto do assento da frente (posição fetal), é impossível de ser realizada por falta de espaço. Nesses casos, mesmo que o avião não sofra maiores estragos, a desaceleração abrupta certamente que causará sérios danos aos passageiros (Princípio da Inércia), inclusive podendo provocar-lhes a morte por esmagamento. Um absurdo! Absolutamente inaceitável que se finja não se estar vendo uma situação dessa gravidade, que perdura há anos. Culpo até a mídia por não ter desenvolvido uma campanha mais enfática contra esse abuso de companhias aéreas que expõem vidas humanas a riscos para se beneficiarem financeiramente. Repito: um absurdo!
Ao afirmar que nas condições hoje existentes em muitas das aeronaves brasileiras nesse mister (certamente que também de outros países com mesmo perfil irresponsável do nosso), como especialista há décadas em tratamento de vítimas de acidentes, asseguro que essas condições de alto risco é algo inaceitável sob todos os aspectos. Por isso insisto: havendo pouso forçado, mesmo que o avião não exploda ou incendeie, a chance de algum passageiro escapar vivo é mínima. Mais uma vez isso se confirma com o lamentável acidente que tivemos hoje. Os que sobreviveram, tiveram segmentos amputados, e graves lesões por todo o corpo. Se sobreviverem, é quase certo que ficarão com sequelas importantes o resto de suas vidas.
Penso que já está mais do que na hora de nossas autoridades serem mais humanas, mais responsáveis, colocando a vida acima de qualquer interesse e em posição prioritária. Fico indignado quando vejo esse tipo de coisa abominável que ainda parece ser vista como normal por quem tem poder para coibi-las. Essa atitude coloca essas pessoas na condição de coniventes, por isso também diretamente responsáveis por tudo de ruim que disso decorrer.
Não é cidadã, por isso também inconcebível, ficarmos na cômoda posição de “assistir de camarote” as mazelas do mundo a espera que o tempo, por si, às resolvam. Quem, de fato, quer fazer acontecer precisa ter atitude proativa. Caso contrário, sofrimentos além da conta e mortes continuarão a acontecer antes da hora. Fiodor Dostoieviski, eminente escritor russo, escreveu:“Todos somos responsáveis por tudo, perante todos”. Todos: eu, você, todos!
NOTA DO AUTOR – Sugiro uma campanha nacional, através de todas as mídias, no sentido de exigirmos, por direito cidadão, mais segurança em todos os níveis em nosso país, inclusive no transporte aéreo. Do jeito que está é que não pode continuar.
*Viriato Moura é médico, diretor-presidente do Complexo Hospitalar Central, membro da Academia de Letras de Rondônia, presidente da Academia de Medicina de Rondônia.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Partidos fecham os "olhos" para os seus envolvidos com a Lava jato

Apesar da avalanche de acusações levantadas pela Lava-Jato contra políticos, os órgãos internos dos partidos destinados a fiscalizar a postura ética de seus filiados têm tido atuação quase nula. Nos três anos da operação, 98 integrantes do PP, PT, PMDB e PSDB — as quatro siglas com mais implicados — foram citados em delações, mas as legendas fecharam os olhos para praticamente todas as denúncias relatadas.

Temer vai derrubar denúncia na CCJ

Do Portal Hoje em Dia - Coluna Esplanada - Leandro Manzzini O presidente Michel Temer está disposto a sepultar a denúncia do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, já na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara antes que ela chegue a plenário. Líderes foram orientados pelos ministros palacianos para, se necessário, até trocar deputados indecisos da base e assegurar os votos para evitar que a denúncia avance ao plenário – onde o Governo precisa de 172 votos para barrá-la.  No denunciômetro monitorado dia a dia no Palácio, Temer tem, hoje, até 290 votos no plenário da Câmara contra a denúncia de Janot, caso o processo avance.

Governo Temer faz política cheia de erros do passado

Os políticos golpistas instalados no poder em 2016 estão reeditando, com agravantes, as páginas mais vergonhosas da história da política externa brasileira. Tal como em situações constrangedoras do nosso passado, a linha de conduta adotada por José Serra, em sua breve passagem pelo comando do Itamaraty, e levada adiante por seu sucessor e “alter ego”, Aloysio Nunes Ferreira, tem como marca a submissão a interesses estrangeiros e o apoio ativo a forças antidemocráticas no exterior. Esses elementos estão presentes nas três prioridades que, juntamente com a tarefa inglória de obter reconhecimento externo ao governo ilegítimo de Michel Temer, se estabeleceram em lugar da diplomacia “ativa e altiva” do período anterior: a) alinhamento incondicional aos Estados Unidos em todos os temas, fóruns e instâncias do sistema internacional; b) adesão irrestrita à globalização neoliberal; c) envolvimento ostensivo na campanha internacional para depor o presidente venezuelano Nicolás Maduro e esmagar a…

Caso político

Ora, o povo do RN elege Walter Alves, Agripino, Henrique Alves, Fábio Faria pra quê? Então, São Paulo entre outras é o êxtase do capital faz do palhaço Tiririca um campeão de votos, que  São todos eles personagens por deveras desumano em relação ao social. porque o brasileiro não elegeria por exemplo Bolsonaro? 2018 se aproxima. Avante Brasil careta
- Dizem que Lula e seus comparsas roubaram é o que dizem, pode ser q sim agora, conforme reportagem da revista época com Joesley Batista um dos donos da JBS. Aécio, Temer, Henrique Alves(preso), Moreira Franco, Jucá etc. são uns gângster, gente perigosa vagabundos de primeira linha
 - Temer e a cangalha, ferra o trabalhador brasileiro e nós aqui na praça dando milho aos pombos! Vamos pra rua...

Educação, é uma carência Nacional

por: Sérgio Tasso de Aquino Nosso país tem sido sistematicamente agredido, nos últimos tempos, pela revelação diária de seguidos escândalos envolvendo gigantesca corrupção da parte de agentes públicos de todos os níveis, dos mais altos aos mais modestos, nos três poderes e nos âmbitos federal, estaduais e municipais, mancomunados com empresários responsáveis pelas maiores corporações nacionais de variados setores de atividades, sempre em prejuízo do bem comum, da democracia, do progresso e da paz social. As investigações que se vêm processando, principalmente, mas não exclusivamente sob a responsabilidade da Polícia Federal e do Ministério Público Federal, em todos os quadrantes de nosso imenso território, apresentam quadro dantesco de total prevalência do vício e de ausência da virtude nas tenebrosas transações realizadas com os dinheiros públicos nos múltiplos, demasiados casos focalizados. Toda sociedade carrega um nível considerado tolerável de corrupção, pois isso é, infelizmente…

Brasil, celeiro da corrupção

Veja só, temos um presidente ladrão imagine, os outros... Na realidade tem ladrão em todas as esferas tanto faz ser na Federal, Estadual ou Municipal com raras exceções os administradores desse país só entram, para saquear o dinheiro do povo que deveria ser investido na Educação, Saúde e Segurança por exemplo mas não, preferem se dar "bem" na vida com a desgraça dos mais necessitados enfim. Á começar pelo chefe maior o presidente do Brasil. que sorte essa nossa!
Perguntar não ofende
Dizem que Lula lucrou um triplex de propina que vale em torno de R$ 700 mil, o próprio diz que não é dele, é o que sabemos! sem falar da ex-presidente Dilma que não recebeu "nada" e foi duramente penalizada... O presidente Temer iria receber do acordo com a JBS R$ 500 mil por semana durante 20 anos, fato comprovado então, para a Lava Jato e o STF todos os corruptos são iguais?

Divulgado novo boletim com atualização de casos de microcefalia no RN

A Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) divulgou o boletim com a situação epidemiológica e vigilância de síndromes congênitas associadas à zika e STORCH (sífilis, toxoplasmose, rubéola, citomegalovírus e herpes) no Rio Grande do Norte. Os casos confirmados passaram de 144 para 146 em relação ao boletim anterior. No universo de 502 casos suspeitos notificados, foram descartados 239 e estão sob investigação 117 casos. Do total de casos notificados, 8,8% evoluíram para óbito após o parto ou durante a gestação (abortamento espontâneo ou natimorto). No Rio Grande do Norte a área técnica do controle vetorial da Sesap orienta aos municípios sobre as técnicas de controle mecânico ou ambiental e o químico em última opção para cortar a transmissão pelo mosquito em territórios com grande densidade do vetor. O controle do vetor é realizado pelos Agentes de Endemias nos Municípios sob a supervisão e orientação dos Sesap. Os Agentes realizam também o trabalho de orientar a população de mane…

Causos da política tupininquim

Na Rússia, Temer foi recebido pelo secretário das relações exteriores que ocupa cargo no terceiro escalão da hierarquia russa. Sendo que, o Presidente Putin ignorou a chegada do presidente mico. No entanto, dia seguinte Vladmir Putin teve encontro com Temer no palácio do governo russo para assinar acordos comerciais... Ha sim, sim. 
Ironia ou destino! 
O ex-deputado Henrique Alves(preso), esteve na Câmara federal durante 44 anos seguidos, e só passou a ser conhecido a nível nacional por roubo.
Deboche
"Eu sou vereador, menina. Eu não sou dono de empresa. Eu sou vereador. O povo trabalha para mim. E tu tens que trabalhar para o povo. É diferente. A senhorita e o senhor esposo têm que trabalhar para o povo. Enquanto eu, aqui, o povo trabalha para mim, tá bom?", disse o vereador Ailton Miranda (PTB) da cidade de Capão Leão-RS. 

E ainda tem gente que vota nessa desgraça. Tô besta!
Foto: arquivo

Comissão do Senado rejeita Reforma Trabalhista

A Comissão de Assuntos Sociais (CAS) do Senado rejeitou nesta terça-feira (20), por 10 votos a 9, o relatório da reforma trabalhista elaborado pelo senador Ricardo Ferraço (PSDB-ES), que era favorável ao texto aprovado pela Câmara. No lugar do parecer de Ferraço, a comissão aprovou um texto alternativo, do 
senador oposicionista Paulo Paim (PT-RS). O relatório de Paim recomenda a rejeição integral da reforma. O resultado representa uma derrota para o governo Michel Temer, que vê na reforma trabalhista uma das principais medidas para a área econômica. Apesar de o texto do governo ter sido rejeitado na Comissão de Assuntos Sociais, a reforma trabalhista ainda vai passar pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) e, por fim, pelo plenário do Senado. Segundo a Mesa Diretora do Senado, os relatórios da CAE, CAS e CCJ vão servir de orientação para a votação em plenário. O texto que vai ser analisado em plenário é a matéria que veio da Câmara. Após o fim da sessão na CAS, o líder do gove…

Saúde: óleo de coco é tão prejudicial à saúde quanto a manteiga

O óleo de coco é apontado por muitos como uma opção saudável de gordura, mas isso é apenas um mito. A afirmação é da Associação Americana do Coração (AHA, na sigla em inglês), principal organização sobre saúde cardiovascular dos EUA. Em novas recomendações publicadas nesta sexta-feira, a AHA aponta que estudos científicos mostram que o óleo de coco é tão prejudicial à saúde quanto a manteiga e a gordura da carne.
A associação continua recomendando que a população substitua gorduras saturadas por óleos mono ou poli-insaturadas. Estudos controlados demonstram que a redução no consumo de gorduras saturadas reduz os riscos de doenças cardiovasculares em aproximadamente 30%. Acontece que 82% dos ácidos graxos do óleo de coco são saturados.
“Uma pesquisa recente reportou que 72% do público americano classifica o óleo de coco como um “alimento saudável”, comparado com 37% dos nutricionistas”, diz a recomendação da AHA. “Essa desconexão entre opiniões leigas e especialistas pode ser atribuída…