Pular para o conteúdo principal

Postagens

Sabemos pouco ou quase nada!

Sabemos que nada sabemos De: Pedro Bondaczuk  Engraçado como somos arrogantes em relação ao nosso pretenso conhecimento. Julgamos, apenas porque lemos um punhado de livros, obtivemos três ou quatro diplomas universitários, observamos de passagem algum fenômeno, que sabemos muita coisa. Há os que vão mais longe e julgam saber de “tudo”, o que já é, convenhamos, o superlativo do exagero (quando não da ignorância). Nosso conhecimento, todavia, não somente é parcial, truncado e, portanto, incompleto, como, sobretudo, é superficial. Não conseguimos nos aprofundar em coisa nenhuma. E muito menos saber tudo a respeito de algum único e reles assunto. Por mais que tenhamos aprendido, em relação a ele, sempre teremos, ainda, 99% ou mais a aprender a respeito. Nós, jornalistas, por exemplo, costumamos afirmar, até em tom de brincadeira (mas que, no fundo, no fundo é a lídima expressão da verdade) que somos “especializados em generalidades”. Ou seja, sabemos um pouco de tudo (por força da nossa p…
Postagens recentes

Divulgado novo boletim com atualização de casos de microcefalia no RN

A Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) divulgou o boletim com a situação epidemiológica e vigilância de síndromes congênitas associadas à zika e STORCH (sífilis, toxoplasmose, rubéola, citomegalovírus e herpes) no Rio Grande do Norte. Os casos confirmados passaram de 144 para 146 em relação ao boletim anterior. No universo de 502 casos suspeitos notificados, foram descartados 239 e estão sob investigação 117 casos. Do total de casos notificados, 8,8% evoluíram para óbito após o parto ou durante a gestação (abortamento espontâneo ou natimorto). No Rio Grande do Norte a área técnica do controle vetorial da Sesap orienta aos municípios sobre as técnicas de controle mecânico ou ambiental e o químico em última opção para cortar a transmissão pelo mosquito em territórios com grande densidade do vetor. O controle do vetor é realizado pelos Agentes de Endemias nos Municípios sob a supervisão e orientação dos Sesap. Os Agentes realizam também o trabalho de orientar a população de mane…

Aumento da violência prejudica estoque de sangue do Hemocentro de Mossoró

O Hemocentro Regional de Mossoró atende cerca de 630 mil moradores espalhados por 42 municípios do Rio Grande do Norte. De acordo com a assistente social Eciram Silveira, o número de doações, tanto de primeira vez, quanto de repetição, está crescendo, mas como a violência também é crescente, a demanda aumentou. Este cenário afeta o estoque de sangue da unidade, que tem dificuldade de atrair doadores devido à localização. “Nós ficamos no extremo da cidade. Por isso temos dificuldade de o doador vir para cá. A gente tem uma meta de colher por mês cerca de mil bolsas de sangue, essa meta foi crescendo com o tempo. Desde o ano passado que Mossoró e região teve um aumento considerável na violência urbana. Então, em virtude das urgências e emergências, que é aquele sangue que a gente não prevê que vá ser utilizado, tivemos um aumento considerável na demanda”, disse a assistente social. (Via: Robinson Pires)

Justiça já gastou 150 milhões para tentar provar que triplex é de Lula

Para chegar a esse montante, um internauta usou como base os salários das quase 300 pessoas envolvidas na investigação conduzida por Moro e que até hoje não apresentou sequer uma prova de que o famoso triplex no Guarujá era do ex-presidente; para efeito de comparação, o triplex que Moro alega ser de Lula custa R$ 3,2 milhões Da Revista Fórum: Em 3 anos, estima-se que a Justiça do Paraná, atuando pela operação Lava Jato, tenha gasto cerca e R$156 milhões para tentar provar que um triplex na cidade de Guarujá, em São Paulo, pertence ao ex-presidente Lula. A conta é do internauta Eduardo Rodrigues Chaves. Confira seu raciocínio: São quase 300 pessoas trabalhando para provar que o triplex é do Lula. Os vencimentos de juiz e procurador está na faixa de 40 mil reais e um custo para a administração de 80 mil. São quase 20 procuradores e juízes auxiliares. Custo: 1 milhão e 600 mil por mês.
300 funcionários a 15 mil reais. 4,5 milhões. Total= DOIS TRIPLEX POR MÊS. 3 anos de investigação: 156 …

Temer, passa vexame internacional

O colunista Bernardo Mello Franco expôs o fracasso diplomático e o constrangimento internacional da despregidiada viagem de Michel Temer à Europa. "A viagem de Michel Temer à Europa produziu um vexame internacional. Enquanto Temer passeava em Oslo, o governo da Noruega anunciou que cortará pela metade a ajuda ao Fundo Amazônia. O motivo é o fracasso do Brasil no combate ao desmatamento. A devastação da floresta avançou 29% na última medição anual, divulgada em novembro. O país perdeu 7.989 quilômetros quadrados de mata tropical, o equivalente a sete vezes a área da cidade do Rio de Janeiro. Foi o pior resultado em oito anos. A Noruega é a maior patrocinadora do Fundo Amazônia. Já doou R$ 2,8 bilhões para o Brasil proteger as árvores e reduzir a emissão de carbono. Isso equivale a 97% dos recursos do fundo, que também recebeu aportes da Alemanha e da Petrobras. Às vésperas da chegada de Temer, os noruegueses repreenderam o governo brasileiro pelo desmantelamento da política ambien…

Indústria: confiança do empresário cai no mês de junho

O Índice de Confiança do Empresário Industrial (ICEI) caiu para 51,9 pontos em junho, uma redução de 1,8 ponto na comparação com maio. O indicador cai pela primeira vez após quatro meses de estabilidade, de acordo com a Confederação Nacional da Indústria (CNI). Na análise da entidade, o país ainda enfrenta dificuldades para superar a crise. “Como ainda mantém-se acima da linha divisória de 50 pontos, o ICEI revela que os empresários permanecem confiantes, mas a confiança se reduziu entre maio e junho”, diz o estudo divulgado hoje (22). Os indicadores da pesquisa variam em uma escala que vai de zero a 100 pontos. De acordo com o estudo, quando o índice fica acima de 50 pontos, os empresários estão confiantes. A CNI observa, no entanto, que o índice de junho é insuficiente para estimular o investimento industrial. Embora esteja 6,2 pontos acima do registrado em junho do ano passado, a confiança do empresário continua abaixo da média histórica de 54 pontos.

Além de Loures, Temer foi "generoso" com outros em 2014

Lauro Jardim Além de repassar R$ 200 mil à campanha de Rodrigo Rocha Loures – o homem da mala –, Michel Temer destinou mais R$ 11,6 milhões a outros 76 candidatos em 2014, segundo dados do TSE – 71 do PMDB, dois do PT e 1 do PDT. Temer decidiu não falar sobre o tema, abordado em duas das 82 perguntas da PF. Entretanto, os dados estão em sua prestação de contas. Entre os candidatos a deputado federal, Rocha Loures foi o quarto maior beneficiado.

Entre os candidatos a governador, o maior repasse foi feito ao hoje adversário político Roberto Requião (PMDB-SC): R$ 1,18 milhão. Entre os postulantes ao Senado, o maior agraciado foi José Maranhão (PMDB-PB): R$ 900 mil.

Partidos querem fundo eleitoral de R$ 3,5 bilhões

Agência Estado Presidentes de sete partidos – PMDB, PSDB, DEM, PSB, PP, PR e PSD – fecharam um acordo para tentar aprovar a criação de um fundo eleitoral até setembro deste ano. O objetivo é acelerar a tramitação para que a matéria passe a valer já para a eleição de 2018. Com uma estimativa inicial de R$ 3,5 bilhões, o fundo terá como parâmetro 50% dos gastos das campanhas de 2014 para presidente da República, governador, senador e deputados. A proposta, que já está sendo elaborada pelo presidente do PMDB e líder do governo, Romero Jucá (RR), deverá ser apresentada na próxima semana e votada em caráter de urgência no Senado. O entendimento dos dirigentes partidários é de que a Casa terá mais facilidade para costurar um acordo pela aprovação do texto. A Câmara analisaria o texto em seguida. Pelo acordo entre os dirigentes das siglas, o fundo eleitoral será constituído em anos eleitorais e composto por uma parte do Orçamento geral da União e também de emendas parlamentares. Metade do “fund…