Einstein, também não teve vida fácil no inícil...

“O único lugar onde o sucesso vem antes do trabalho é no dicionário.” (Albert Einstein)
 Por: Paulo Araújo
Einstein era brilhante, simples, humanista, mas acima de tudo cientista.

Ninguém questiona a vida de sucesso de Einstein, mas nem tudo foi flores na vida de um dos maiores gênios da história.

Einstein, logo após formado, ficou por dois anos tentando um cargo de professor. Praticamente expulso do próprio país, devido ao governo nazista suas obras foram queimadas pelo governo. O ministro da propaganda germânico da época declarou que o cientista era inimigo público do povo alemão. Louvado mundo afora, massacrado em sua própria terra natal, seu nome chegou a estar em uma lista de alvo de assassinatos. O valor da sua cabeça? Cinco mil dólares.

Segundo o próprio Einstein seu maior erro na vida foi a recomendação da construção da bomba atômica ao presidente Roosevelt justificada pelo fato da Alemanha já estar trabalhando em tal projeto.


A vida de Einstein não foi nada fácil! Dilemas, desafios e exposição pública em excesso por vezes o tornaram uma celebridade o que muitas vezes o incomodava, afinal amava ser cientista.
O que Einstein tem a ver com a sua vida?
Tudo.

Não existe sucesso sem fracasso, não existem lutas sem obstáculos, vitória sem dias de desânimo.
Na sua vida não será diferente. O fracasso baterá sempre a sua porta e sua capacidade de superar momentos difíceis será permanentemente testada.
Ousar, inovar, almejar a excelência é um caminho cheio de espinhos, críticas e injustiças.

Sucesso se conquista com muito suor, trabalho árduo e uma enorme capacidade de acreditar em si e nos seus talentos. A forma como você encara os seus momentos de fracasso hoje é o que determinará o seu sucesso no futuro. Um erro só pode ser considerado um erro quando cometemos pela segunda vez a mesma tolice. A primeira vez é aprendizado.

Voltando a Einstein vale a pena comentar que em 1999, exatos cem cientistas de grande nome mundial o elegeram “o mais memorável físico de todos os tempos.”

Nada mau para quem ficou por dois anos procurando o primeiro emprego.
Mas a lição de que mais gosto do mestre é essa: “quem nunca cometeu um erro, nunca tentou algo novo”.

Tente, faça diferente, levante a cabeça que a alma irá junto. Não tenha medo de ser feliz e muito menos dos fracassos que a vida pode lhe proporcionar.
O fracasso faz parte do caminho de qualquer pessoa de sucesso.

Por: Paulo Araújo é especialista em Inteligência em Vendas e Motivação de Talentos. Diretor da Clientar – Projetos de Inteligência em Vendas. Autor de “Paixão por Vender” – Editora EKO, entre outros livros. Site: www.pauloaraujo.com.br.
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...