Rosalba Ciarlini, avisa que crise vai exigir sacrifícios.

Resultado de imagem para rosalba no palanque fotosA prefeita Rosalba Ciarlini participou na noite desta quarta-feira, 21, da confraternização do movimento comunitário mossoroense. Na mensagem natalina, ela recordou o início de sua vida pública incentivada pelas lideranças comunitárias e as convocou para o que chamou de maior desafio de sua trajetória política.

“Quando estiver com a radiografia da Prefeitura, quero contar com o apoio de vocês mais uma vez”, conclamou, ressaltando estar preparada para enfrentar muitas dificuldades.

“Não sei como estão dívidas, escolas, a saúde. Mas, não me faltará coragem e disposição de trabalho”, afirmou, explicando que a equipe de transição não está recebendo as informações necessárias sobre as condições em que encontrará a Prefeitura de Mossoró a partir de 1º de janeiro.

Rosalba adiantou que tomará medidas saneadoras e que está disposta também a revigorar o movimento comunitário. Para ela, 2017 será um ano para organizar a PMM, fazendo os ajustes que promovam a retomada do crescimento da cidade.

Falando em nome dos comunitários, Ronaldo Pereira destacou apoio do movimento, tendo suas palavras reforçadas pelo deputado federal Beto Rosado. “O movimento comunitário é a base. Rosalba respeita e ouve as lideranças e foi por isso que seus governos deram certo”, atestou o parlamentar.

A vice-prefeita Nayara Gadelha e os vereadores também já diplomados Francisco Carlos, Izabel Montenegro e Didi de Arnor e o suplente Naldo Feitosa também discursaram e expressaram esperança no governo de Rosalba.

Assessoria
0